Valete de Copas Desportos alternativos a ganharem praticantes - Valete de Copas
travel-one

Desportos alternativos a ganharem praticantes

A prática de modalidades até agora menos conhecidas tem vindo a aumentar. Conheça cinco exemplos.

Não é surpresa para ninguém. Praticar desporto faz bem à saúde, ajuda a manter a forma e liberta-nos do stress diário. Para além das atividades mais frequentes, como futebol, corrida, natação e outros desportos com bola, começam a surgir entusiastas pela prática de novas modalidades. Alguns deles são desportos alternativos que outrora pouco ou nada se conheciam pelas nossas bandas. Estes são 5 exemplos de atividades desportivas que começam a ter um número crescente de praticantes em Portugal.

Stand Up Paddle

Conhecido como SUP ou apenas Paddle, esta modalidade aquática tem ganho inúmeros fãs nos últimos anos. Trata-se de um desporto que surgiu associado às aulas de surf, nos ensinamentos para colocar os alunos de pé em cima da prancha. De pé ou de joelhos na prancha, o objetivo é remar e não cair, podendo ser praticado em rio ou no mar. Neste último caso, em função da ondulação marítima, convém já ter algum traquejo. Esta atividade pode tornar-se uma experiência bastante gratificante, uma vez que mistura a convivência com outras pessoas, a interação com a natureza e umas boas gargalhadas.

CrossFit

Os ginásios têm vindo a apostar nesta vertente de treino e o número de praticantes aumenta todos os anos. Pode ser adaptado a todo o tipo de pessoas sejam homens, mulheres ou idosos. É um treino da força e condição física que se baseia em movimentos funcionais realizados em alta intensidade num curto espaço de tempo. O objetivo é aumentar o tempo de queima das calorias e consequentemente o aumento da massa muscular, obrigando com isso ao aceleramento do metabolismo. Caso não queira frequentar ginásios, pode sempre optar pelas “Box” apenas para a prática de Crossfit que têm aparecido em número crescente no nosso país.

Lacrosse

O Lacrosse é um desporto norte-americano que muitos ainda associam a “American Pie”, filme onde esta modalidade aparecia. Em Portugal existe uma pequena comunidade que já o pratica, sendo que, em 2016, foi organizado pela primeira vez um torneio internacional de Lacrosse em Portugal. O campo é mais ou menos idêntico ao de futebol e joga-se com uma pequena bola de borracha e um taco de lacrosse (que possui uma espécie de rede). As equipas têm 10 jogadores cada, com a missão de inserirem a bola na baliza. Pode ser praticado por homens ou mulheres, embora no feminino não se promova o contacto físico, diferindo também no equipamento, onde só necessitam de viseira e boqueira.

Snorkeling

Um dos desportos mais simples e dos quais se retira uma das melhores experiências. Óculos, barbatanas e o “snorkel” são material suficiente para disfrutar e relaxar da transparência do mar e da rica flora e fauna que poderemos encontrar. O objetivo é nadar à superfície da água deixando apenas o tubo do snorkel de fora (nesta atividade não existe mergulho). Em Portugal existem locais que são as primeiras escolhas para os amantes deste desporto: Matosinhos, que ao largo da Praia Cabo do Mundo detém um antigo submarino alemão afundado a cerca de 30 metros de profundidade, agora ocupado pela vida subaquática; as ilhas Berlengas, de águas transparentes e com uma biosfera única e imperdível; Madeira e Açores, arquipélagos ricos em corais, fauna e flora submarina; e ainda Sagres, com as suas grutas a oferecerem espetáculos de luz e cores.

Padel

Este desporto chegou ao nosso país em 2001, mas apenas ganhou dimensão em 2008, ano em que foi organizado o Campeonato da Europa. Estima-se que existem mais de 10.000 praticantes em Portugal. A facilidade de aprendizagem, o convite ao convívio e a menor exigência física em comparação com outros desportos, desperta interesse nas pessoas. Semelhante ao ténis e ao squash, o jogo é sempre praticado em duplas, com uma bola de ténis e num campo de 20 metros de comprimento e 10 metros de largura com paredes a toda a volta. Uma modalidade divertida que proporciona espetáculos de habilidade, evolução dos reflexos e o trabalho de equipa.

Mário A.

Trabalho na área de turismo e sou apaixonado por diversos temas: desporto, cinema, séries, música, viagens ou videojogos, entre outros. Ambicioso, sonhador, teimoso, nada me demove dos meus objetivos, um verdadeiro Super Mário. :)

0 Comentários

    Dê a sua cartada.

Deixe-nos o seu comentário

Faça login no topo da página para comentar.