Valete de Copas O que ter em atenção ao comprar lingerie para Ela - Valete de Copas
travel-one

O que ter em atenção ao comprar lingerie para Ela

Sete dicas preciosas para uma missão que, por vezes, pode tornar-se um verdadeiro desafio para os homens.

Quando o desafio se trata de comprar roupa interior para a companheira, a missão pode ser bem complicada. Para que o presente seja o mais adequado possível, eis algumas dicas a ter em conta para que nada falhe no momento da escolha da lingerie.



1. Um dos grandes erros dos homens quando decidem comprar lingerie é errar no tamanho. Para isto não acontecer pergunte diretamente ou confira na lingerie que ela usa, lembre-se que o tamanho de soutien é diferente do da cueca.

2. Outro erro comum é seguirem o vosso gosto e irem pelos modelos mais sexys e sensuais, tudo bem poderá ter a sua graça, mas está comprovado que 60% das mulheres desaprovam presentes como cueca fio dental, em couro ou mesmo cuecas comestíveis. Por isso, vale a pena observar os gostos dela e na hora de comprar ter isso em atenção.

3. Observe bem o tipo de lingerie da sua companheira e para isso tenha em conta o modelo de cueca, se asa delta, mais larga nas laterais, fio dental ou boxer. O soutien, se é push up, com enchimento ou brallete, o tipo de tecido, algodão ou sintético, em renda ou seda, liso ou estampado. E principalmente tenha em conta o estilo que ela prefere, se mais discreto ou mais sexy.

4. Comprar cinta/liga é uma peça arriscada pois vai depender muito do gosto dela, se quiser ser diferente pode optar por um body em seda e renda e não vai ficar mal.

5. Na dúvida opte pelo conforto, para que ela possa usar mais vezes.

6. Escolher peças mais clássicas como renda preta ou branca é sempre mais seguro que temas floridos ou infantis.

7. Por fim, pode comprar lingerie em várias lojas, sendo que existem lojas bem acessíveis que recomendo como Intimissimi, Oysho ou Women'Secret.

Imagens © DR

Elisabeth Mota

Sou a Elisabeth, apaixonada pela vida, pela felicidade, pelas pessoas e pelos dias solarengos. Para mim não existe uma tendência existem inspirações que facilmente encontro no dia a dia, sejam elas pessoas, objetos ou lugares. Dou mais valor ao estilo próprio e à personalidade de cada um do que aos padrões que a moda dita. A vida inspira-me todos os dias. É este o meu conceito de moda e estilo e é aquilo que pretendo transmitir!

0 Comentários

    Dê a sua cartada.

Deixe-nos o seu comentário

Faça login no topo da página para comentar.