Valete de Copas Visitar um recém-nascido: regras a ter em conta - Valete de Copas
travel-one

Visitar um recém-nascido: regras a ter em conta

Dicas sobre como e quando visitar um bebé sem prejudicar a adaptação da criança ao mundo exterior.

A chegada de um filho a uma família é um momento importante a nível emocional, obviamente, mas também do ponto de vista dos cuidados necessários para acolher o recém-nascido no lar em que vai viver. E como o novo membro da família tenderá a ter muitas visitas, há que estar preparado para esses momentos de modo a não prejudicar a adaptação do bebé.

Nos primeiros dias em casa existe a necessidade de adaptação da família ao bebé e de criar novas rotinas. É assim importante o cumprimento de certas regras, algumas vezes impostas pelos pais antes do nascimento. Nesta fase, o recém-nascido estará a adaptar-se à vida cá fora, nomeadamente a estímulos externos, alguns prejudiciais numa primeira fase. Assim, importa seguir algumas regras:

  • Antes de visitar, avise. Marque com antecedência, evitando ir à noite ou colidir com tarefas domésticas, respeitando as rotinas da família;

  • Caso esteja doente (ou suspeite estar) ou indisposto evite a visita. Assim evita o contágio dos pais e do bebé. É importante lavar as mãos antes de pegar no bebé, de forma a reduzir o risco de infeção e, caso esteja constipado(a), use uma máscara facial;

  • As visitas devem ser curtas, sendo o tempo necessário para felicitar os pais e conhecer o bebé;

  • Evite ir com filhos pequenos visitar um recém-nascido;

  • Evite fumar, usar perfumes ou desodorizantes com cheiros intensos, pois podem incomodar o bebé;

  • Pegue ao colo apenas com autorização dos pais: o bebé pode, por exemplo, ter adormecido há pouco tempo;

  • Não beijar o rosto ou as mãos dos bebés, pois existe uma maior suscetibilidade de contrair infeções;

  • Se estiver na hora de alimentar o bebé, respeite a privacidade da mãe. Este é um dos momentos mais sensíveis no pós-parto.

Estas são apenas regras e/ou conselhos generalistas. É importante que o bom senso impere e lembre-se que este é um momento sempre “novo”, para os pais e para o bebé.

Abílio Cardoso Teixeira

Marido. Pai. Amigo. (Também) profissional de saúde e corredor amador. Curioso. Máxima profissional: tudo tem uma explicação. Máxima de vida: tudo tem uma explicação!

0 Comentários

    Dê a sua cartada.

Deixe-nos o seu comentário

Faça login no topo da página para comentar.