Valete de Copas Volvo V60 Phev: O futuro é agora - Valete de Copas
travel-one

Volvo V60 Phev: O futuro é agora

Na Suécia nasceu um dos melhores automóveis híbridos do mundo. Conheça-o melhor.

Com cada vez mais países a prepararem o bloqueio à venda de carros movidos a petróleo, os motores a gasolina e gasóleo vão tornar-se uma espécie em vias de extinção. O futuro pertence aos elétricos, mas enquanto os preços não se tornam mais acessíveis e os postos de carregamento não chegam a todas as localidades, os motores híbridos são uma solução muito interessante.

Neste segmento, o Toyota Prius é o líder histórico, mas há várias alternativas com mais qualidades que ainda não são tão conhecidas do grande público.

O exemplo mais claro é o Volvo V60 Phev, a versão com motor híbrido a eletricidade e diesel da carrinha V60, um dos carros históricos da Volvo. Tivemos oportunidade de experimentar esta incrível máquina e no final, ficámos rendidos ao luxo, à potência e ao conforto de um carro que não é para todos.

Comecemos pelo início: com 285 cavalos de potência – 217 cavalos do motor a gasóleo e quase 70 cavalos do motor elétrico – o Volvo V60 tem um comportamento surpreendentemente desportivo, com arranques de cortar a respiração graças à aceleração do motor elétrico e velocidades de ponta bem superiores aos 200 km/h, graças à potência extra do motor diesel. A distância entre eixos é mais curta do que o da linha 90, fazendo deste V60 um carro bem mais ágil e fácil de controlar do que os irmãos do segmento mais alto.

Os três modos de condução – Pure, Hybrid e Power – aumentam a flexibilidade, dando ao condutor a possibilidade de conduzir só com o motor elétrico ligado (modo Pure), com os dois motores ligados em potência média (modo Hybrid), ou com os dois motores na potência máxima (modo Power). No modo mais potente, podem contar com acelerações impressionantes dos 0 aos 100 (contámos pouco mais de cinco segundos) e uma suspensão e direção mais rijas, para melhorar o controlo.

À diversão de conduzir junta-se um interior de luxo, como é hábito na Volvo, com bancos e materiais de grande qualidade e um dos melhores sistemas de entretenimento do mercado automóvel.



Os menus nem sempre são os mais intuitivos, mas para os mais pacientes, a Volvo oferece muitos pormenores de grande conforto, como a possibilidade de aquecer os bancos e o combustível poucos minutos antes do condutor entrar no carro, a consulta dos consumos e da utilização de ambos os motores em tempo real e a reprodução de músicas e vídeo através de CD, DVD, bluetooth, pens USB e até discos rígidos.

A arrumação na bagageira também é interessante, ainda que o motor elétrico montado na traseira roube algum do espaço utilizável.

Para o fim fica reservado o único aspeto negativo de registo: o preço. Ainda que seja totalmente justo para a qualidade apresentada, o custo do Volvo V60 Phev vai afastar a maior parte das pessoas, incapazes de pagar os mais de 60 mil euros pedidos – mesmo contando com os benefícios fiscais que reduzem o preço final em mais de 10 mil euros.



Ás: O motor desportivo, o interior luxuoso e o sistema de entretenimento.

Duque: O preço muito alto.

Imagens © Volvo Cars

A. M.

Um amante incondicional de comida (desde que seja boa) e de várias tecnologias. Comer, beber e jogar são os três bens essenciais para viver, com algumas viagens pelo meio. Nos tempos livres, gosto também de dar asas à minha paixão pelas duas e quatro rodas.

0 Comentários

    Dê a sua cartada.

Deixe-nos o seu comentário

Faça login no topo da página para comentar.